sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Farmacêutica GSK condenada por corrupção na China

Nota de C&T: Uma vergonha, vagabundos ocupando cargos na cúpula da empresa que deveriam ser exemplos, se comportam como criminosos sem escrúpulos nenhum em suas atitudes. É muito pouco a pena aplicada, ela estimula que outros vagabundos façam o mesmo.
Uma empresa como a GSK não merece ter seu nome maculado por grupos de vagabundos como este.

22/09/2014 - 08:07

O antigo responsável pela GlaxoSmithKline (GSK) na China, o britânico Mark Reilly e "outros responsáveis" foram levados à justiça tendo sido condenados a penas de prisão de entre dois a quatro anos, avança a agência Lusa, citada pelo Diário Digital.
A empresa farmacêutica britânica GSK foi considerada culpada de corrupção e condenada por um tribunal chinês ao pagamento de 380 milhões de euros, indica a agência Nova China.
O antigo responsável pela GSK na China, o britânico Mark Reilly e "outros responsáveis" foram levados à justiça tendo sido condenados a penas de prisão de entre dois a quatro anos, refere a notícia da agência oficial chinesa sem fornecer mais pormenores.


Notícias relacionadas: