sexta-feira, 1 de maio de 2015

Governo loteando cargos e colocando a meritocracia em segundo plano

Nota de C&T:
Nada contra a competência dos indicados, mas esse poder absoluto do Estado de ter que ser indicação para cargos de diretoria de um(a) Presidente é desnecessário. É prova do loteamento do poder, é vincular o cargo de cada um dos indicados a interesses políticos, tornando-se mais grave quando precisa do crivo do Congresso Nacional que não atualmente uma instituição formada em sua maioria por pessoas sérias.
Essas agências espalhadas pelo Brasil são o pulmão da incompetência administrativa operante no Brasil.



Dilma indica nomes para diretoria da Anvisa e ANS

Paulo Victor Chagas – Repórter da Agência Brasil Edição: Denise Griesinger

"A presidenta Dilma Rousseff indicou três pessoas para ocupar cargos de direção na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). O encaminhamento dos nomes está publicado na edição desta terça-feira (28) do Diário Oficial da União.

Dilma indicou Karla Santa Cruz Coelho, para ser diretora da ANS e Jarbas Barbosa da Silva Júnior e Fernando Mendes Garcia Neto, para ocuparem diretorias da Anvisa. Os nomes, no entanto, precisam ser apreciados pelos senadores.

Indicada para a diretoria da ANS, Karla Santa Cruz trabalha na agência desde 2001, tendo ocupado cargos de gestão na área de saúde suplementar. Ela é doutora pelo Instituto de Medicina Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro na área de epidemiologia em Saúde Coletiva.

Jarbas Barbosa foi secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde entre 2011 e janeiro de 2015. Doutor em saúde coletiva pela Universidade Estadual de Campinas, ele atualmente é secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos da pasta. Fernando Mendes ocupa um cargo na diretoria de Coordenação e Articulação do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária da Anvisa. Mendes também chefiou, em 2011, a Subsecretaria de Planejamento, Orçamento e Administração do Ministério da Agricultura.

A presidenta também enviou ao Senado o nome de Delcídio do Amaral (PT-MS) para ocupar a liderança do governo na Casa. A liderança está vaga desde que Eduardo Braga assumiu o Ministério de Minas e Energia do governo Dilma, no dia 1º de janeiro."

Fonte: http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2015-04/dilma-indica-nomes-para-diretoria-da-anvisa-e-ans